quarta-feira, 30 de janeiro de 2008

A idade certa para dançar:

[Editado: Leia a segunda parte dessa postagem aqui]

Um tema que ainda gera muita polêmica, é se há idade certa para se dançar.

Algumas pessoas até gostariam de frequentar aulas ou locais onde se dança, mas desistem por acreditarem ser velhas demais, gordas demais,

Você pode arranjar a desculpa que quiser, alto, baixo, careca, pé torto, dois pés esquerdos (para os canhotos deve ser uma maravilha!), mas a verdade é que NÃO HÁ NENHUMA RAZÃO FÍSICA QUE IMPEÇA ALGUÉM DE DANÇAR.

Existem milhares de técnicas e estilos de dança no mundo inteiro, com certeza um se encaixa no seu perfil.

Não importa a sua idade, a sua aparência, a sua facilidade ou dificuldade em aprender, o que impede alguém de dançar é simplesmente não gostar ou um preconceito.

Quando alguém lhe diz a palavra DANÇA, qual a primeira imagem que vem a sua cabeça?

Essa é a primeira impressão que você tem sobre a dança, mas, acredite, ela é muito mais do que isso!

Geralmente é a imagem de uma moça jovem, vestida de tule nas pontas dos pés.





Cada dança carrega consigo uma imagem ideal de corpo, que está relacionada à época, lugar, condição econômica, política e social de onde foi criada. Com o balé clássico não poderia ser diferente.

O Balé tem um tipo físico ideal, assim como o nosso samba de carnaval também tem, não há nenhuma velhinha, ou gordo careca de biquini na passarela do sambódromo. Soa até engraçado! Mas isso é uma opção estética. Um companhia de dança tem todo o direito de escolher como serão os bailarinos que participarão de seus espetáculos, assim como a Escola de Samba tem todo o direito de escolher como será a madrinha da bateria, mas isso não significa que só mulatas jovens possam sambar.
Se você tem algum problema de saúde que dificulte a sua mobilidade, precisa ter cautela e não forçar seu corpo além de seus limites. Todos temos limites é muito importante conhecê-los.

Muitas escolas de dança já possuem turmas especiais para crianças, jovens, adultos e idosos, se a sua não tem, peça para ter.
Algumas escolas e espaços especiais, como o Clube dos paraplégicos de São Paulo e a PUC, oferecem aulas de dança para o público com alguma deficiência, seja física, como visual, auditiva, paraplegia; mental ou psicológica, como autismo, síndrome de down, etc.
O artista da dança Alito Alessi (E.U.A.) trabalha com deficientes no exterior a muitos anos, possui inclusive uma cia de dança com seus alunos que demonstram interesse na dança para palco.
Voltando a questão das idades, como podem ver, não há, realmente, nenhum impedimento físico para se dançar, e sim a escolha da técnica ou estilo de dança certo e o respeito aos seus limites corporais.
Em algum momento você vai ouvir, "nossa escola só aceita crianças com mais de 5 anos". A verdade é que para crianças muito pequenas não se deve ensinar uma dança codificada (como balé, jazz, danças de salão, sapateado, ...) pois ela nem desenvolveu o corpo a ponto de descobrir todas as próprias possibilidades de movimento. Para crianças muito pequenas, o indicado é uma aula de dança para crianças, baseada em técnicas da dança contemporânea, Laban (dança criativa) adaptadas a faixa etária.
Muitos professores não sabem o mal que estão fazendo aos corpos das crianças por tentarem, tão novas, obrigá-las a seguir determinado movimento fechado e codificado.
Prefira deixar seu filho brincando no parquinho que obrigá-lo a dançar se ele nem andar direito sabe! (rsrsrs)
Se na escola de dança perto da sua casa, não aceitam adultos, ou idosos, peça se montar uma turma, se negarem mesmo assim, mude de escola.
Turmas mistas são algo muito complicado, numa mesma aula haver um aluno de 6 anos um de 10 e um de 15, são períodos de desenvolvimento motor e psicológico muito diferentes. Por isso, é compreensível que um professor não aceite um idoso em uma turma de adolescentes.
Não há idade certa para se dançar, se você já dança, não pare nunca, se não começou, a hora certa é agora!








16 comentários:

Amandinha disse...

Amei o seu post, na verdade me indentifiquei muito com ele, fiz ballet com 6 anos de idade, e então parei pq minha mãe não tinha condição para pagar as aulas, desde então vivo sonhando em ser uma grande bailarina! so agora com 16 anos vou poder voutar a ter alas, estou muito insegura pois não lembro de nada...tbm sei que não vou ser uma grande bailarina como sonhei, mais ainda tenho esperança!

♣♣♣Titta♣♣♣ disse...

Bom eu estava lendo o post e concordo com tudo o que está escrito, mas eu quero tirar uma grande duvida...eu tenho 16 anos e estou pretendendo fazer ginastica artistica...será que eu estou muito velha pra começar? será que eu consiguirei realizar os movimentos com facilidade como as demais meninas mais novas?
brigadissima.......Bjão!

Cleo disse...

Meninas, fico feliz que tenham gostado de minhas palavras, mas antes de responder às suas perguntas precisamos deixar claro uma coisa: de que dança estamos falando?

Quando me refiro a dança, aqui, digo expressão de arte, uma visão mais contemporânea sobre o corpo.

Se você quer ser bailarina clássica nos moldes tradicionais, dançar em companhia profissional, etc. Você vai precisar se enquadrar em uma série de fatores, tipo de corpo, peso, idade, até cor da pele. Muito parecido com a profissão de modelo/manequim.

Não é essa visão da dança que defendo, e sim, um trabalho do corpo mais plural, que aceita outras técnicas e outros modos de se expressar pelo movimento.

Eu penso que 16 anos é tão pouco, nem chegou na flor na idade. rsrsrs Mas vocês encontrarão pessoas que dirão o contrário, que vocês já estão velhas para dançar.

Vamos deixar bem claro que vocês não estão velhas para dançar, continuo reafirmando o que disse em meu post, não há idade certa para dançar.

Mas talvez vocês já não estejam na idade que os preparadores corporais acham ideal para se começar um treinamento profissional de balé clássico/ginástica artística.

Agora eu devolvo a pergunta, porque escolheram essas modalidades em especial? Realmente há uma afinidade ou simplesmente não conhecem outras?

Grande Abraço, Cleo Beolchi.

PS: Se quiserem, podem me escrever por e-mail.
;)

Anônimo disse...

Seguinte, eu tenho 12 anos e eu sempre quis dancar Street Dance. Mas por certos obstaclos como localidade (nao haver aulas de danca por perto), nunca tentei. Agora, aos 12 anos, estou pensando em comecar uma academia para fortalecer os musculos e coisas assim. Voce acha que ainda da tempo de recuperar os anos perdidos, ou e melhor eu desistir de dancar, so porque todo mundo na minha familia me diz que eu tinha que ter comecado com 6 ou 7 anos.
OBS: Eu sei que nao vou ser uma profissional, mas pelo fato de eu gostar de fazer isso, entende?

Cleo Beolchi disse...

Olá, "anônima", tudo bem?
Você é super jovem! 12 anos é uma idade ótima, não há melhor hora pra começar a dançar do que O AGORA. ;)
Dance por que é bom, faça aulas porque gosta, se você se tornará uma profissional de Street Dance, qualquer outra dança ou até medicina, só tem a ver com o quanto você se identifica com a área e o quanto você se DEDICA, se quiser realmente ser profissonal, em qualquer coisa, ESTUDE, estude muito e dê o melhor de si.
Em outras palavras: "se joga!" rsrsrs
Nm sempre será fácil, sem sempre as aulas serão do lado da sua casa, mas se quiser realmente corra atrás.
Estarei na torcida!

Anônimo disse...

Muito Obrigada pela dica, Cleo Beolchi. Obrigada tambem pela torcida, e tem uma academia no lado da minha casa. Acho que vou começar a frequenta-la. Obrigadissima !!!!!!!!!!

Anônimo disse...

Oi, sou eu de novo, a ''Anonima'' !!!
Olha, eu me esqueci de dizer umas coisas nos meus outros comentarios. Com 9 anos desisti de dancar justamente pela localidade, mas aos 10 anos me mudei. E agora, com 12 anos, vi uns videos que me animaram novamente, por isso te perguntei tudo aquilo! Sao de uma garota chamada Simrin Player ( 13 anos ), por favor, assista um deles:
http://www.youtube.com/watch?v=lBu3U9KUYXQ&feature=related

Obrigada por tudo, e Feliz Ano Novo 'BEM' atrasado !!!

Anônimo disse...

Oi Cleo, tudo bem?
Achei o seu blog procurando sobre idade certa pra dançar e gostei bastante da matéria. Tenho 25 anos e tô começando dança contemporânea agora, e quero muito seguir uma carreira nela. Você disse que não tem uma idade certa pra começar a dançar, e isso vale também pra dança contemporânea?
Abraços e sucesso!




Anônimo disse...

Olá Cleo,
Gostei muito de sua postagem, muito motivadora.
Eu tenho 24 anos e amo a dança desde pequena, mas por motivos familiares acabei cursando Letras e já sou formada, porém quando terminei meu curso mesmo o amando sentir que faltava algo em mim, e sei que a dança é a principal delas meu sonho era fazer dança contemporânea profissionalmente, mas tenho medo por conta da minha idade e pelo fato de nunca ter feito um curso de dança, mas sinto que meu corpo pode e que tenho jeito, mas tenho medo de sofrer preconceito e ao mesmo tempo tenho urgência de começar!

Cleo Beolchi disse...

Continuo afirmando que a Dança é para todos. Procure pesquisar um pouco sobre a linha de Dança Contemporânea que está estudando e pretende desenvolver, se por acaso não se identificar com algum profissional ou local, vá atrás de outros. Sabe aquele velho ditado "há uma tampa pra cada panela"? Busque o estilo, modalidade, profissional (professor, diretor, coreógrafo, etc...), local que combina mais com você, é muito provável que encontre até mais de um e tenha uma formação e prática bem variadas.

Anônimo disse...

Oi,tenho 14 anos e meu sonho é dançar jazz dance,algo mais contemporâneo. Você acha que já estou velha demais ? Será que vou conseguir realizar todos os movimentos?

Anônimo disse...

Olá Cleo, adorei esse seu post, mas estou com uma duvida cruel: eu quero muito ser uma dançarina profissional, mas tenho 16 anos, e meus pais dizem que não tenho as coisas q as bailarinas tem (no caso, eu tenho elasticidade, mas não o suficiente). Queria muito dançar jazz ou street dance. Você acha q sou velha demais? Quais são suas dicas para mim?
Eu já fiz alguns meses de street dance, jazz, até 1/2 meses de dança de salão, mas nunca conseguia terminar por motivos $$.

Lupi disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Lupi disse...

Tenho 16 anos, so me vou preparar para ser bailarina profissional agora ja tenho alguns conhecimentos de ballet des doa 10 anos, e demasiado tarde?

Cleo Beolchi disse...

RECOMENDO fortemente que todas que lerem a postagem acima lerem também a sua continuação em: http://cleobeolchi.blogspot.com.br/2017/06/a-idade-certa-para-se-dancar-segunda.html

Cleo Beolchi disse...

*todas as pessoas